4. Hora de Podar

4. Hora de Podar

33 Comments

  1. rapaz, meus parabéns, adorei a tua iniciativa, da hora o blog, muito bom mesmo…de verdade…abraços

  2. Sabe, Gus, eu nao fosse capaz de machucar um passarinho por causa de uma pessoa, mas no fim do seu quadrinho jurei ser capaz de matar alguém por causa de um passarinho.

    E agora me sinto meio psicopata.

  3. Belíssimo. Me atingiu em cheio. A única coisa que me preocupa é que tu é um cara denso demais. Vou te fazer um desafio: duvido que consiga fazer uma simples história engraçada e descompromissada. 😉

    Abraço e parabéns!

  4. Gus, meu camarada…

    Que personagem bacana o avô do Pedro.

    Que personagem possível essa Marcela!

    Que incrível esse desfecho!

    Parabéns!

  5. vi o link pela comunidade do uhq.
    sobre a hq. achei batuta. o teu desenho é competente, apesar de os personagens não funcionarem bem ema alguns ângulos (nõa sei se por desleixo seu).a narativa é quase toda em planos fechados e, somado ao mesmo tamanho de quase todos os quadros, torna a leitura desconfortável. essa mesma história com mais “respiro” na composição fiocaria bem mais legal. dei uma olhada nas outras hqs e vi que elas tem coisa pu outra em tamanhos variados, então nõ sei se isso de compor tudo com os mesmos quadros seja um conceito seu.
    há momentos emotivos e reflexivos que pedem um espaço de imagem maior.
    achei que o texto poderia ter mais coloqualismo, mais próximo do português real e mais longe do português de gibi.
    tu tens um lance pop nas cores que é massa. vou virar leitor cativo. um abraço

  6. Hehe, faço meu o comentário da outra Mari.

  7. Véio, que saudades dos seus trampos e do Sinestesia, muito bom achar assim sem querer um blog seu com coisas novas!

  8. Não vai brincar de desenhar mais não? Tô de mal… Brincadeirinha, sem pressão, sem pressão… rs. Quero seu email para assuntos bloguísticos, saí do orkut. 🙂

  9. Muito bom, sempre re-visito aqui com esperança de outro quadrinho alternativo como esse. Parabéns.

  10. acabei de conhecer teus quadrinhos por via do top 100 do webcomix. São muito bons. parabens, e boa sorte

  11. perdão, mas como faço pra votar em você no top 100 da webcomix

  12. A parte do pássaro me lembrou a Misery do Stephen King. Muito bom


  13. Meus parabéns, cara. Muito bom mesmo. Se um dia eu escrever um quadrinho, pode ter certeza que tu teve algo a ver com isso.

    Excelente texto, muito bom mesmo. Do tipo que dá pra contextualizar toda a história em poucas frases.

    Discordo do cara que criticou tua arte. Achei o traço estiloso, perfeito pra história e pra narrativa.

    Fico no aguardo de novos quadrinhos. E parabéns mais uma vez.

  14. Omg, me impressionei muito a primeira vez que li.

  15. Muito bom seu traço, e a capacidade sua de contar uma boa estória em poucas páginas!!!

  16. Cara, eu gostei bastante dos seus quadrinhos. Gostei como vc escreve e desenha. Continue mandando mais pra gente ler. Acho que sou só mais um ai te incentivando, mas eu sei que faz diferença um comentário, um elogio. Eu também escrevo e sei como é.

    Abraço!

  17. É estranho eu ver um monte de comentário elogiando o traço, a paleta de cores e tudo mais e eu vim aqui simplesmente para parecer inculta e direta: Amei!

    Cada quadrinho foi perfeito e eu ia me emocionando em cada um, no final, chega escorreu aqueeeela lágrima solitária. Parabéns mesmo, super parabéns. Virei fã.

  18. Eu achei doentio. Tirar a vida do passarinho para aliviar a própria e insana vontade de morrer ou de matar a moça. Mas bela tira, pois existe pessoas assim, reclusa do verdadeiro mundo, pois vivem em apenas uma rua ou idealizadoras d’outras.

  19. ele aliviou a dor do pássaro, e não a dele

  20. você entendeu errado Roger. Como o gerislanio disse, ele matou o passaro porque, ele sentindo a dor da traição e lembrando da historia do avô, ele estaria fazendo um favor ao passaro

  21. Os seus quadrinhos são uma das melhores coisas que eu já lí

  22. Cara vc éééé como eu posso dizer… vc é foda pá carai, muuuito gênio, a tua capacidade de demonstrar os sentimentos mais diversos e em sua mais alta magnitude, desde a quente alegria até a mais fria e sombria tristeza , em quadrinhos e em poesia é simplesmente fantástico, não é nem necessário dizer que ja está nos favoritos.
    PARABÉNS!

  23. forte!

    muito bom… intenso, visceral.

    parabéns cara!


  24. Passarinho preso não canta, lamenta…

  25. I’m not sure exactly why but this site is loading incredibly slow for me.
    Is anyone else having this issue or is it a issue on my
    end? I’ll check back later and see if the problem still exists.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *